Dúvidas sobre qual piso escolher?

Você comprou seu apartamento na planta, está construindo ou reformando e chega na hora dos revestimentos bate aquela dúvida? Hoje a Justo separou alguma dicas dos pisos mais usuais para te ajudar nessa escolha! 

O primeiro passo é definir a área de aplicação, pois existem tipo próprios para áreas secas ou molhadas, áreas internas ou externas, facilidade de limpeza, orçamento. 

Cerâmica: é um dos piso mais utilizados no Brasil, com muitas opções de cores, tamanhos, texturas. Na compra do seu piso cerâmico é importante observar na embalagem do produto o coeficiente de atrito, que estabelece o quão escorregadio será. Quanto mais alto o coeficiente, menos escorregadiço seu piso será! Outro fator importante de observar é o Pei,  que é a classificação de resistência, que vai de zero, indicado para paredes, até 5, indicado para lugares com grande fluxo.

Porcelanato: este piso lhe oferece resistência, qualidade e você encontra uma variada gama de opções, desde pisos naturais, esmaltados, acetinado, polido, entre outros. Pode ser utilizado em áreas secas ou molhadas e exige atenção ao Pei.

A principal diferença entre cerâmica e porcelanato está na fabricação! A cerâmica é feita a partir de argila e alguns minerais, enquanto o porcelanato recebe porcelana e alguns outros materiais mais nobres. Porém, a temperatura de queima do porcelanato pode chegar até 1.200°C o que lhe proporciona maior resistência e menor porosidade em relação à cerâmica.

Laminado: é um piso para quem procura acabamento em madeira, porém com um custo mais baixo. Ele é feito a partir de madeira aglomerada, tem um sistema simples de instalação que possibilita instalar sobre piso existente, desde que bem nivelado. Indicado apenas para áreas secas, como quartos, salas, escritórios

Vinílico: também destinado aos amantes de acabamento em madeira, este piso possui uma grande variedade de tons e texturas que imitam madeira. A principal diferença para o laminado, está na sua fabricação. O piso vinílico é fabricado a partir de resina de PVC, o que lhe confere maior resistência a umidade, porém sua principal indicação é para áreas secas. Também pode ser instalado sobre piso existente, desde que nivelado, e pode ser encontrado em placas, mantas e tapetes.

Além destes, o mercado oferece outras opções como cimento queimado, piso de tábua, ladrilho hidráulico, pastilhas, entre outros. Agora é só buscar seu imóvel aqui no site da Justo e começar a planejar!