Pequenos reparos que você pode fazer em casa

A gente sabe que casa/apartamento dá manutenção, mas você sabia que tem pequenos reparos super fáceis e acessíveis de serem feitos por você mesmo? Então acompanha algumas dicas com a gente:

A dica de ouro para qualquer tipo de manutenção: não improvise! Além de durar menos, as "gambiarras" podem piorar o problema.

Não tenha medo, o YouTube está aí para te mostrar em vídeo o passo-a-passo de qualquer tipo de manutenção. Mas se você perceber que está além de suas qualificações, chame um profissional! A regra do "barato custa caro" é totalmente real.

Trocar lâmpadas: pode ser banal, mas envolve risco de choque elétrico. Por isso, antes de tudo, desligue o disjuntor do cômodo onde a manutenção será feita. Outro cuidado essencial é utilizar uma escada firme, nada de banquinho de plástico solto!

Chuveiro queimado: quem nunca passou por isso? Aqui vale reforçar que muitas vezes não é seu chuveiro que queima e sim a resistência, ou seja, a peça que faz ele funcionar. Por isso, antes de mais nada desligue a energia elétrica e a água, certifique-se de que a escada está bem firme, retire seu chuveiro, desmonte, extraia a resistência e leve até uma loja de ferragens, assim você não corre o risco de comprar a peça errada. Depois é só montar o chuveiro de novo, instalar e aproveitar!

Pia entupida: essa também é clássica! O ideal é o trabalho de prevenção, como evitar deixar comida no ralo, gordura, fios de cabelo. Mas caso precise de uma solução rápida, uma mistura de sal, bicarbonato de sódio e água quente ajudam na desobstrução, ou ainda soda cáustica. Se isso não for suficiente, o jeito é encarar um pouco mais de sujeira, removendo o sifão e até mesmo limpando a graxeira externa.

Torneira pingando: além do desperdício de água o barulho é terrível. Primeiro, desligue o registro de água. Algumas vezes apenas o reforço da fita veda-rosca já é o suficiente, por isso, desmonte a torneira e verifique. Em alguns modelos de torneira será necessário alguma chave para afrouxar e apertar. Se necessário, substitua a torneira.

Rachaduras, pinturas, restaurações: aqui é ainda mais fácil de ser feito, com um pouco de paciência e tempo, é possível economizar um bom dinheiro. Lembre de proteger pisos e isolar as áreas que você não quer manchar, pois o tempo gasto no preparo inicial compensa num trabalho de qualidade.

E claro, aquele bom e velho kit básico é essencial pro sucesso de suas manutenções. Itens como chaves (de fenda, Philips, de boca) são indispensáveis, assim como um pequeno kit de buchas, parafusos e pregos, trena, nível, estilete, martelo, fita isolante e veda-rosca. Se você resolver investir um pouquinho além, uma furadeira é uma excelente pedida, afinal quem nunca precisou fixar um quadro ou prateleira e teve que chamar um terceiro por conta de um furo?